Rosinha de Sol

Em paisagismo é usada em jardins, formando maciços em amplos gramados; como cobertura de solo; em vasos e jardineiras como planta pendente. Muito usada em jardins desérticos em meio a pedras e cactos.

Tem flores solitárias, pequenas de muitas pétalas finas, de longa duração e nascem nas pontas dos ramos, em tons de vermelho-rosado, rosa, roxo, amarelo ou branco. Surgem durante o ano todo, sendo de maior intensidade na primavera-verão e são muito visitadas por abelhas e borboletas.

Tolerante ao frio, mas não geadas. Cultivada sob sol pleno ou meia-sombra. O solo deve ser fértil, solto, rico em matéria orgânica e bem drenado ou uma mistura para suculentas.